Ir para o conteúdo

Andre Vieira

Voltar a Blog
Tela cheia

Vice-presidente dos EUA vem ao Brasil conferir as condições dos imigrantes venezuelanos no país

27 de Junho de 2018, 11:32 , por Andre Vieira - 1Um comentário | No one following this article yet.

 

Esse anúncio poderia até passar despercebido dado que já é quase senso comum, pela repetição insistente, o papel auto proclamado pelos EUA de “guardião mundial dos direitos humanos”. Só que dessa vez, a cena propagandística do império esbarra num “pequeno incômodo”, que põe a nu a enorme contradição: ONDE ESTÃO AS CRIANÇAS BRASILEIRAS E AS DEMAIS QUE FORAM SEPARADAS DE SEUS PAIS PRESOS AO TENTAREM MIGRAR AOS EUA?

 

Essa contradição explícita é muito reveladora da real postura e dos verdadeiros propósitos da visita imperial ao Brasil.

 

O que isso revela da postura norte-americana é a sua falsa militância pelos direitos humanos.

 

E sobre os propósitos da visita, revela que o verdadeiro intento é o de conferir apoio do Brasil às ações norte-americanas de desestabilização e de golpe contra a Venezuela.

 

A imigração venezuelana é diretamente promovida pelos EUA através dos embargos e sanções econômicas impostas ao insubmisso país latino-americano.

 

A aparente preocupação norte-americana com as condições da imigração venezuelana no Brasil é tão somente um ato propagandístico levado a efeito pela mídia colonizada brasileira, para plantar na opinião pública, novamente, a falsa ideia de que na Venezuela reina a tirania enquanto os EUA são os paladinos dos direitos humanos...

 

 

 


1Um comentário

  • Liberte se minorBertoni
    30 de Junho de 2018, 10:41

    Guerra do Paraguai 2.0

    A hipocrisia das elites nacional e mundial são patentes. Com direito a registro e copyright! Sempre foi assim e assim será se o povo se calar.
    O que vemos neste cenário obscuro do neoliberalismo neste século XXI é um repetição da piores práticas dos primórdios do capitalismo colonialista. Nesta nova guerra do paraguai que se arma, EUA substituem a Grâ-Bretanha como financiadores da agressão e Venezuela substitui Paraguai no papel de agredido. Os capitães do mato, seguem os mesmos, com Brasil de Temer e Argentina de Macri disputando o quem é protagonista na vassalagem, no entreguismo, na traição de seus povos em defesa dos interesses econômicos da nação colonizadora. O único direito que respeitam é o direito do Capital ao lucro. O resto é história para o povo dormir.


Enviar um comentário

Os campos realçados são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

Cancelar